Voltar ao topo

Coluna Capitalizando: entrevista com o autor de livro sobre a história da capitalização

29 de Novembro de 2019 - Capitalizando

Encerrando as celebrações pelos 90 anos da capitalização no Brasil, a FenaCap  promoveu o lançamento da edição atualizada do livro: ‘Capitalização - uma história de prosperidade’, do escritor  Paulo Amador , que hoje está aqui conosco para falar dessa nova versão do seu livro. 

1. Paulo, conte um pouco dessa nova versão do seu livro. 

A primeira edição foi lançada em 2002, já são praticamente quase 20 anos de história que acrescentei aos capítulos existentes. Houve muita coisa de lá para cá,  sobretudo no aspecto institucional e regulamentar, a exemplo da criação da FenaCap, que ocorreu em 2007, o que  deu à capitalização uma voz singular, uma voz própria.

2. O que você pode destacar de mais importante nesses 90 anos de capitalização no Brasil?

A capitalização ajudou muito o país ao longo dos anos. Desde 1929 quando foi criada, ajudou a mudar até a paisagem do Rio com a criação de dois bairros que foram financiados com recursos da Capitalização:  a Sulacap e a Vila Cosmos. Na Amazônia, tem também um marco da modernidade que é o grande Hotel Tropical da Amazônia. Esse hotel foi construído pela capitalização.  O prédio da Sulacap, na Avenida Afonso Pena, em Belo Horizonte, já foi um dos maiores arranha-céus da cidade.

3. E como você enxerga a capitalização no contexto  atual?

Resumindo toda essa história eu posso dizer o seguinte: não há nenhum instrumento de desenvolvimento social econômico tão alinhado a necessidade do povo brasileiro, do país e da economia brasileira. Um dos benefícios da capitalização que a gente não pode nunca esquecer é que as reservas técnicas são consideráveis, contribuindo para o aumento da poupança interna. Grande parte desses recursos é aplicada em títulos públicos. Isso significa o que? Dinheiro no orçamento do governo, dinheiro para construir escolas, hospitais e  por aí afora. Depois de tudo isso, eu me sinto muito à vontade como jornalista e escritor de dar a minha contribuição a essa data notável que é  marca a comemoração dos 90 anos da capitalização no Brasil.

CONTEÚDOS RELACIONADOS