Voltar ao topo

Coluna Capitalizando:Título de Capitalização para aluguel de imóveis

Confira a entrevista com o presidente da Comissão de Produtos e Coordenação da FenaCap, Natanael de Castro

04 de Junho de 2019 - Capitalizando

O Título de Capitalização da modalidade Instrumento de Garantia substitui a figura do fiador nas transações de alugueis residenciais e corporativos. Vamos saber como funciona essa transação com o presidente da Comissão de Produtos e Coordenação da FenaCap, Natanael de Castro. 

Como o cliente pode utilizar o título de capitalização de Instrumento de Garantia para alugar um imóvel?

A transação é bem simples. O inquilino escolhe o imóvel de interesse, adquire um título de capitalização e o valor é acertado com a imobiliária ou direto com o proprietário. O montante fica guardado até o final do contrato. Se ao final do contrato, o imóvel estiver nas mesmas condições do início do contrato o inquilino recebe o valor integral de volta. Caso seja necessário fazer algum reparo, o valor da despesa poderá ser abatido desse montante.

Quais as vantagens, para o inquilino e para o proprietário, da utilização de um título de capitalização no lugar de um fiador tradicional?

Para o inquilino, elimina a busca por um fiador, situação que, com frequência, constitui um momento delicado, muitas vezes até constrangedora, para ambas as partes. Já que não é fácil convencer um familiar ou amigo a se tornar um fiador. Para o proprietário, é a segurança de que se acontecer alguma avaria no seu imóvel, poderá contar com o valor para realizar o reparo.

O título de capitalização de instrumento de garantia também dá direito a sorteios e resgates?

Sim. Assim como nas demais modalidades, o instrumento de garantia também permite a participação em sorteios durante toda vigência do plano. E caso o cliente, nesse caso o inquilino, não seja sorteado, poderá resgatar o valor depositado ao final do contrato de aluguel e fim do plano de capitalização.

 

CONTEÚDOS RELACIONADOS